Densitometria óssea: Para que serve e quem deve fazer este exame? | Radioclínica

A densitometria óssea é um exame que mede a densidade mineral dos ossos a fim de compará-la aos padrões da idade e sexo do paciente. Através dessa comparação é possível tratar a osteoporose e outras doenças que atingem os ossos. A densitometria é o único método seguro para avaliação da massa óssea e predição de fratura óssea.

Para se realizar o exame, que dura de 15 a 30 minutos, não é necessário nenhum preparo especial ou jejum, apenas deve-se evitar remédios que contenham cálcio. No momento do exame, o paciente fica deitado sobre uma mesa, do modo orientado pelo técnico, e permanece imóvel, enquanto o tubo de raios X passa sobre o corpo, fazendo medições.

Os idosos são os mais afetados pelas doenças nos ossos, principalmente, a osteoporose, por isso, a densitometria óssea deve ser realizada periodicamente (pelo menos uma vez por ano) por mulheres acima de 65 anos e por todos os homens acima de 70 anos. Além desses, também se encontram no grupo de risco:

•  Mulheres na pós-menopausa;

•  Pacientes com doenças da tireoide;

•  Pessoas com história familiar de fratura ou de osteoporose;

•  Fumantes, sedentários ou etilistas;

• Pacientes com doenças reumáticas, cálculo renal ou doença gastrointestinal, bem como aqueles em uso constante de corticosteroides.

Posts Recentes

Categorias

A Radioclínica foi fundada em 1995 e representa uma sociedade de médicos radiologistas que atua no segmento de serviços de diagnóstico por imagem na cidade de Uberlândia.

Tem alguma dúvida, depoimento ou qualquer outro ponto? Deixe um comentário abaixo!

  1. Stella Brito 25 de janeiro de 2017 at 23:55 - Reply

    Muito obg tirou bem minhas duvidas

  2. Maria de Lourdes 8 de fevereiro de 2017 at 09:26 - Reply

    Eu tenho problemas de tireoide. Sinto dores nos braços, pernas e especialmente no encaixe do quadril. Já estou em tratamento da tireoide desde2014. Seria significativo fazer esse exame. Tenho 51 anos e estou entrando na menopausa.

  3. Heloiza 14 de março de 2017 at 15:12 - Reply

    Quais são as orientações que a enfermagem deve dar aos paciente que serão submetidos a este exame?

  4. Tere 31 de outubro de 2017 at 11:18 - Reply

    Obrigada! Tirei minhas dúvidas

  5. Rosaria 21 de janeiro de 2018 at 22:24 - Reply

    Muito bem fiquei satisfeito com a resposta obrigada.

  6. Angélica 26 de junho de 2018 at 07:01 - Reply

    Alguma recomendação em relação ao café?

  7. JAIDETE CRISTOVAM DA SILVA 22 de junho de 2020 at 18:29 - Reply

    Eu tenho 42 anos e sinto muitas dores nos pés nas articulações dores que aumentou principalmente no período do inverno, eu posso fazer uma desintometria óssea??? E ou existe outro tipo de exame que eu possa descobrir as causas das dores que sinto nas minhas pernas e pés???

  8. celma melo Freitas 25 de setembro de 2020 at 08:01 - Reply

    Resposta bem objetiva, esclareceu minhas duvidas. Obrigado.

  9. Denise Rosalina dos santos dias 22 de outubro de 2020 at 23:12 - Reply

    Sinto muita dor no corpo, tenho osteoporose, tendinite, bursite , coluna torta para lado direito etc

  10. Elisa França 29 de outubro de 2020 at 13:35 - Reply

    Primeira vez que estou indo realizar esse exame e até estava com medo pois não fazia idéia de como se realizava esse exame
    Obrigada pelas informações

  11. ANA 21 de janeiro de 2021 at 13:24 - Reply

    Obrigada pelas informações elas foram bem última para mim.

  12. DIANA AYALA DOS SANTOS 22 de julho de 2021 at 20:46 - Reply

    Obrigada foram muito úteis as informações!Consegui sanar minha dúvida.